Cantos de Refúgio é inspiração e arte para (re)existir diante das opressões.

“Ao menos por um tempo” é título do canto poético que encerra a peça infantil Cantos de Refúgio organizada pelo Coletivo de Galocha, veja a íntegra da canção abaixo e vídeo captado na última exibição da temporada na ocupação Aqualtune.

Em breve mais informações no Blog Somos Migrantes sobre a nova Lei de Migração, aprovada ontem por Temer com 20 VETOS na surdina durante protesto histórico “OcupaBrasília” que tomou a Praça dos Três Poderes na capital do país por movimentos contrários às reformas trabalhista e da previdência e em protesto contra a falta de legitimidade de Temer e do Congresso Nacional.

AO MENOS POR UM TEMPO

Antonio Herci (Coletivo de Galochas)
Sabe lá,
por onde eu andei,
o que passei,
o que deixei
pra levar e pra lembrar.
Não ter mais lugar
me fez buscar
do outro lado
do mar e de novo tentar.
Ao menos por um tempo
– ter lar,
ao menos por um tempo
– sonhar,
ao menos por um tempo
– ter paz.
Mas sempre ao mesmo tempo
– LUTAR!
Lutar pelo chão e,
se não tem chão,
plantar no solo
da memória e regar!
Com resistência pra sonhar,
com nova história pra ter paz.
Um ramo frágil de oliveira
continua sendo
um ramo de oliveira
pra plantar.
Ao menos por um tempo
– ter lar,
ao menos por um tempo
– sonhar,
ao menos por um tempo
– ter paz.
Mas sempre ao mesmo tempo
– LUTAR!
Saiba mais sobre a peça Cantos de Refúgio em matéria jornalística realizada com apoio da Cia de Teatro Coletivo de Galochas: Matéria do G1
Mais informações sobre o grupo: http://www.coletivodegalochas.com.br/
Anúncios

Um comentário em “Poesia e resistência em Cantos de Refúgio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s