Divulgação!

Entender o continuum entre escravidão  e o “lugar” paradigmático ocupado pelas mulheres negras e indígenas na sociedade brasileira é ter em mente que o período pós-abolição demarcou a histórica continuidade da sujeição, subordinação e desumanização destas mulheres, hoje aprisionadas nas cozinhas das madames brancas, nas periferias, nas prisões, nos lixões, nas lotações.

É disso que vamos tratar nos dias 17, 18, 24 e 25 de setembro, às 20:30, com o espetáculo “DARLUZ” na APARELHA LUZIA.

O monólogo retrata a história de “Darluz”, moradora da periferia da capital paulistana, negra, desempregada e analfabeta. Ela narra suas experiências cotidianas e as estratégias que utiliza para a sua sobrevivência e de seus 14 filhos.
Após as apresentações haverá o FÓRUM DA PRETA, que é um “espaço” para interação entre público e artistas sobre a temática apresentada. Alguns pontos como criminalização da maternidade negra são reflexões importantes que norteiam o tema e chamamos atenção para a frase utilizada pelo Ex-governador Sérgio Cabral sobre aborto: “Não sou contra o aborto. Tem tudo a ver com violência. Você pega o número de filhos por mãe na Lagoa Rodrigo de Freitas, Tijuca, Méier e Copacabana, é padrão sueco. Agora, pega na Rocinha. É padrão Zâmbia, Gabão. Isso é uma fábrica de produzir marginal”.

CONVIDADAS PARA MEDIAR O FÓRUM:
Dia 17/09/2016 – ADELINAS – Coletivo Autônomo de Mulheres Pretas
Dia 18/09/2016 – MICHELLE MATTIUZZI
Dia 24/09/2016 – APARELHA LUZIA
OS: O Trabalho está sendo feito na “raça” e apenas com o apoio de ativistas comprometidas com a causa das mulheres negras e indígenas.
Espero Vocês!
Ingressos: Pague quanto puder.

teatro-negras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s